quarta-feira, 4 de maio de 2016

Tabela Dinâmica do Excel 4: agrupando casos

Nosso assunto aqui ainda é: como controlar o eixo X dos gráficos usando a Tabela Dinâmica?

Estamos no Tutorial 4. Se você não fez as partes 1 a 3, recomendo começar pelo nosso post Tabela Dinâmica do Excel 1: tutorial inicial. Caso contrário, vamos em frente:

Proponho exercitar neste tutorial 4 o agrupamento de casos para controlar eixos de gráficos, principalmente o eixo X. Para isso, vamos usar a planilha “Base mensal” do arquivo que estamos usando nos tutoriais (clique aqui para baixá-lo).

Note que, nesta planilha, os dados são mensais ou seja cada caso corresponde a um mês de um resort e um ano específicos.

As variáveis continuam quase as mesmas, mas Ano é Mês/Ano agora. Peça para inserir uma tabela dinâmica e leve Mês/Ano para Linhas e Resort para Colunas como fizemos anteriormente.



No Excel 16, apareceu praticamente a mesma tabela que já fizemos. Isso porque ele já agrupou os casos segundo a variável Mês/Ano sem eu pedir, em versões anteriores do Excel, aparece sem agrupamento como abaixo:



Como agrupar de volta? Simples, clique com o botão direito numa célula qualquer dos Rótulos de Linha (por exemplo junho/2012) e vai aparecer um formulário para Agrupamento. Clique em Meses e Anos juntos e dê OK.



O resultado será esse: a variável Mês/Ano por ter formato de data na sua planilha original, pode ser agrupada de várias formas (conforme o formulário de Agrupamento). Eu escolhi agrupar por meses e anos, assim e aparecerá uma nova variável no Controle de Campos chamada Anos, veja:



Essa variável Anos não está explícita na base de dados, mas podemos usá-la como se fosse uma, por exemplo se eliminarmos a variável Mês/Ano das Linhas, o relatório ficará exatamente como aquele original:



Observe uma célula deste relatório, por exemplo a mostrada acima com valor 400. Como estamos usando a planilha de valores mensais, o valor 400 é resultado de uma conta.

Façamos a leitura desse número por meio do Controle de Campos: trata-se da Soma dos valores de Faturamento para todos os casos da base de dados original cujo Ano (Linhas) é 2014 e cujo Resort (Colunas) é Praia do Forte.

Soma foi a operação realizada porque pedimos, na área  Valores, a Soma de Faturamento, essa opção pode ser modificada para fazer aparecer o que nos interessa como “conta” nas células do relatório.

Falei em “todos os casos”, você entendeu isso? A planilha da base mensal tem vários casos. Há 12 para cada mês, e como temos 3 anos e 3 resorts, temos um total de 12x3x3=108 casos. Você pode verificar isso.

Os casos que somam 400 são um agrupamento menor. São 12 meses, de 1 ano e de 1 resort, 12x1x1=12 casos. Se você clicar com o botão direito no valor 400 e pedir Mostrar Detalhes (ou simplesmente clicar 2x no valor 400), aparecerá a tabela com todos os casos que geraram esse valor. Abaixo mostro essa tabela acrescida de três linhas: soma, contagem e média.



Vejamos como contar casos. Volte à tabela dinâmica e clique com o botão direito no valor 400. Peça Resumir Valor por > contagem. Como abaixo:



As células do relatório apresentarão o número de casos da base original em cada cruzamento do relatório. Neste caso são 12 em cada casela. Exercício: peça agora a média e veja o que acontece.

Estamos chegando quase ao fim desta série básica de tutoriais. Como você está indo? Eles estão lhe ajudando? No próximo tutorial trabalharemos com outras contas bem úteis, os percentuais. Clique aqui para acompanhar.

Até
Roberto

Nenhum comentário:

Postar um comentário