domingo, 3 de agosto de 2014

O gráfico de barras empilhadas.

Toda semana um bom jornal traz ao menos um gráfico de barras empilhadas. Isso também vale para apresentações profissionais. Trata-se de um recurso para se entender ou monitorar diferenças na composição de resultados conforme uma estratificação dos dados, ou mesmo ao longo do tempo.

A Folha desse último domingo mostra, em seu caderno Mercado, o perfil de participação de vendas de várias marcas de tablets nos anos de 2012 a 2014, veja o gráfico:



O gráfico não é tão ruim, e tem a vantagem de ser feito em qualquer excel. Minha crítica é que, tirando a primeira e última barra, fica difícil observar com eficiência a variação dos valores das barras do meio. Isso ocorre porque elas não estão com suas bases numa mesma posição inicial (estão sobre as de baixo).

Para ajustar isso, basta deixar um espaço idêntico em cada barra empilhada, assim todas podem começar do zero. Fica uma espécie de tabela gráfica, veja o resultado:



O que você acha? Ficou melhor? Aceito sugestões...

Até
Roberto

P.S.: o último gráfico foi feito no Minitab.

Um comentário: