sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Onde estão os motoristas bebuns?

Deu na Folha nessa última quarta-feira:


Vamos exercitar nosso poder de análise, o que você me diz a respeito dos números desse quadro? Em São Paulo há mais motoristas bêbados?

Pra responder, épreciso fazer algumas contas. Se dividirmos o número de flagrados pelos que fizeram o teste temos o gráfico abaixo:


Puxa, para cada mil submetidos ao bafômetro temos 3x mais flagrados bêbados em SP que no Rio. Mas veja só:

Para cada mil abordados, 62,3 fogem da raia no Rio e só 5,2 saem de fininho em SP. E aí qual deve ser a terra de mais motorista bebum?

Aqui sim. É pau no quadro, né gente?
Até
Roberto

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Quem tem medo do dragão da inflação?

Ontem todos os jornais comentaram a alta da inflação. Todos. A maioria em primeira página, como a Folha:

Quanto clima tempestuoso. Será uma ameaça real do dragão da inflação?Fizemos o gráfico de controle* do IPCA mensal, e veja o que temos:



Os 0,37% assustam? A inflação subiu com força? Claro que não. Se nos próximos quatro meses continuarmos com esse valor de 0,37%, conseguiremos 6,0% no acumulado do ano (0,5 p.p. abaixo da meta!). Ocorre que estão todos preocupados com o tal acumulado, mas se esquecem que se trata de um acumulado móvel, isto é, entra o valor atual e sai o valor de 13 meses atrás.

Notem no gráfico de controle que justamente nos meses de junho, julho e agosto do ano passado tivemos inflação praticamente zero. Isso claramente foi uma manobra eleitoral. Esses bons valores agora já não mais fazem parte do acumulado 12 meses, foram substituídos por valores atuais.

Então o que vai acontecer com o acumulado? Simples, para batermos a meta de 6,5%, basta ficarmos com 0,49% mensal ou abaixo disso nos próximos quatro meses (vamos substituir os últimos dados de inflação do ano passado por melhores resultados). Veja a predição usando 0,49% mensal:


Bem diferente do terrível gráfico da matéria da folha:


O que você acha?
Até Roberto
 
 
* veja mais sobre gráficos de controle em: Tiririca, o filósofo.